Sunça no Cinema – O Auto da Boa Mentira (2021)


Sunça no Streaming - A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas - Netflix (2021)
Sunça no Streaming - Cabras da Peste - Netflix (2021)

Dizem que mentira tem perna curta. Se isso é verdade, a bichinha corre rápido, viu! Em quatro histórias inspiradas em contos bem humorados de Ariano Suassuna, cada uma criada a partir de frases do poeta paraibano, conhecemos Helder (Leandro Hassum), Fabiano (Renato Góes), Pierce (Chris Mason) e Lorena (Cacá Ottoni), vivendo diferentes situações onde, ironicamente, a mentira é sempre a protagonista. 

100 min – 2021 – Brasil

Dirigido por José Eduardo Belmonte. Roteirizado por João Falcão, Tatiana Maciel e Célio Porto. Com Leandro Hassum, Rocco Pitanga, Nanda Costa, Giselle Batista, Michelle Batista, Mariana Bassoul, Renato Góes, Matheus Dantas, Cassia Kis, Jackson Antunes, Romulo Marinho, Carlos Gregório, Flávia Prosdocimi, Andrely, Chris Mason, Serjão Loroza, Jesuita Barbosa, Marcelo Magano, Duda Senna, Bruno Bebiano, Cacá Ottoni, Luis Miranda, Johnny Massaro, Leo Bahia, Letícia Novaes, Letícia Isnard, Karina Ramil, Rodrigo Garcia, Silvio Guindane, Juliana Poggi.

Tudo o que esbarra ou encosta em Ariano Suassuna parece ganhar imediatamente uma qualidade única. Ariano era um gênio da brasilidade e uma daquelas pessoas iluminadas que parece ser consciente de seu papel aqui neste planeta. O longa “O Auto da Boa Mentira” que chega aos cinemas nesta semana é um bom exemplo disso. Dirigido por José Eduardo Belmonte o filme se inspira em falas, entrevistas e anedotas de Suassuna. Belmonte conta quatro histórias que têm a mentira como tema central, todas com tempo para se desenvolver e nos deixar aprofundar em cada uma. Em alguns momentos o ritmo inconstante incomoda e é inevitável a comparação entre as histórias já que diferem em qualidade e humor. 

Em uma das tramas temos Helder (Leandro Hassum) um funcionário do RH que é confundido com um famoso comediante. Ele conhece Caetana (Nanda Costa) e ambos acabam se “ajudando”. Na sequência temos o melhor dos quatro contos, nele Fabiano (Renato Góes)  descobre que sua mãe (Cassia Kis) mentiu sobre a verdadeira identidade de seu pai. Nas palavras dela: “Mãe mente para filho toda hora!”. E essa mentira leva o rapaz a ter de lidar com o Palhaço Romeu (Jackson Antunes). Na terceira história conhecemos o gringo carioca e mentiroso Pierce (Chris Mason), que por preguiça de ir a um evento social do amigo Zeca (Serjão Loroza) conta uma mentira que acaba levando os dois a um encontro com o chefe do morro (Jesuíta Barbosa). Finalizando a obra a estagiária Lorena (Cacá Ottoni) solta umas inverdades que acabam com a festa de natal da empresa.    

É surpreendente que o roteiro escrito por João Falcão, Tatiana Maciel e Célio Porto surja a partir de frases, comentários, entrevistas e piadas de Ariano Suassuna. Os respectivos trechos que inspiram cada história estão na montagem do longa e permeiam os contos transformando Suassuna em uma espécie de narrador. Elemento que poderia ter sido melhor aproveitado, uma vez que é um dos pontos altos da projeção. Apesar dos roteiros inspirados e a boa direção, sabe dosar o humor e o drama dos “causos”. São quatro histórias diferentes em tom, ritmo e qualidade. Inevitavelmente escolhemos as nossas preferidas e as comparamos umas com as outras o que quebra o ritmo e a coesão da obra.  O conjunto é sim divertido e evoca o humor do Suassuna, ainda que, em diversos momentos, opte por suavizar o sarcasmo e amenizar as resoluções.

“O Auto da Boa Mentira” é um filme agradável e divertido, uma bela homenagem a Ariano Suassuna. Em um momento onde o mundo, e principalmente o Brasil, tornou a mentira em arma e ferramenta de discurso de ódio. O gênio e mestre Suassuna  nos lembra que a mentira pode ser uma ferramenta para contar boas histórias, entreter, fazer rir e conviver em harmonia. Em suas próprias palavras: “Eu não gosto de quem mente para prejudicar os outros. Eu gosto do mentiroso que mente por amor a arte.”

Nota do Sunça:

Últimas críticas:

Últimos textos:

Sunça no Streaming - A Família Mitchell e a Revolta das Máquinas - Netflix (2021)
Sunça no Streaming - Cabras da Peste - Netflix (2021)